23/06/2019 às 19h18min - Atualizada em 23/06/2019 às 19h18min

Brasil perde para França

Gol da França saiu na prorrogação.

Ricardo Strauss
G1

Na prorrogação, a França fez 2 a 1 no Brasil e passou para as quartas de final da Copa do Mundo Feminina, neste domingo, no estádio Océane, em La Havre. As europeias saíram na frente com Gauvin, o empate veio com Thaísa e Henry fez o gol da classificação das donas da casa.

 

Pelo segundo Mundial consecutivo, a equipe nacional é eliminada nas oitavas de final. Foi a despedida de Copas de Formiga, jogadora que mais vezes vestiu a camisa da seleção brasileira, e de Cristiane, terceira maior artilheira da história do Brasil.

 

O jogo

 

As francesas assumiram o favoritismo logo de cara, com mais posse de bola. Às brasileiras restaram as tentativas de contra-ataque ou uma jogada individual com  Marta, Cristiane ou Tamires.

 

VAR

 

O árbitro de vídeo entrou em campo aos 22 minutos de jogo, após um gol de Gauvin para França. A árbitra canadense Marie-Soleil Beaudoin viu falta da francesa na goleira Bárbara.

 

Depois da anulação, as europeias ficaram nervosas, tanto que Renard, uma das principais jogadoras francesas, fez falta dura em Debinha e recebeu cartão amarelo.

 

O Brasil conseguiu equilibrar a partida e aumentou a posse de bola. Aos 37 minutos, após cobrança de escanteio de Marta, Cristiane cabeceou para o gol, mas Bouhaddi ficou com a bola.

 

A resposta da França veio dois minutos depois e também de cabeça. Majri cobrou falta da direita e Henry ave e cabeceou para fora.

 

Uma chance para cada lado

 

A melhor oportunidade brasileira veio aos 42 minutos. Debinha foi desarmada na esquerda, mas a bola ficou para Cristiane, que invade livre a área. Ela chutou cruzado e Bouhaddi defendeu com o pé.

 

A resposta da França veio depois de um erro na saída de bola do Brasil. Bussaglia tocou para Majri sozinha na área, que chutou para fora.

 

Gol francês

 

A França voltou para o segundo tempo disposta a resolver o jogo. Diani passou por Tamires e cruzou para Gauvin na pequena área só tocar para o fundo do gol.

 

O Brasil poderia ter empatado aos 9 minutos, Marta cobrou falta na cabeça de Cristiane. Bouhaddi defendeu a bola bateu na trave a França ficou com o rebote.

 

Empate brasileiro

 

Debinha recebeu na esquerda e cruzou para Thaísa finalizar e empatar o jogo. O gol foi analisado pelo árbitro e vídeo e validado pela juíza canadense.

 

Majri cobrou falta para Le Sommer, que sozinha na área cabeceou para fora. Quase o segundo francês.

 

O Brasil fez o segundo gol com Tamires, mas a lateral-esquerda estava impedida e não valeu.

 

Prorrogação

 

Cristiane precisou se substituída na prorrogação

 

Cristiane precisou se substituída na prorrogação

 

Yves Herman/Reuters - 23.6.2019

 

No começo da prorrogação, Cristiane tentou um chute do meio campo. Bouhaddi pegou fácil e a atacante brasileira sentiu uma contusão na coxa esquerda. A artilheira precisou ser substituída.

 

A equipe brasileira sentiu a saída de Cris e a França aumentou o volume de jogo. Diane quase fez o segundo gol francês.

 

Em um contra-ataque brasileiro, Geysa tocou para Debinha que se avançou na área, tirou da goleira e chutou. A zaga da França salvou.

 

No primeiro minuto do segundo tempo da prorrogação, Majri bateu falta e Henry finalizou para o gol.

 

Próximos passos

 

Nas quartas de final, a França vai enfrentar a vencedora de Estados Unidos e Espanha.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://87news.com.br/.

Você acredita que o eleitor está mais consciente para votar nestas eleições?

24.2%
74.2%
1.5%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp