17/09/2019 às 10h38min - Atualizada em 17/09/2019 às 10h38min

Caso Brenda: DIC começa a ouvir testemunhas

- 87 News
Portal Agora Sul

A Divisão de Investigação Criminal de Araranguá, segue trabalhando incessantemente para elucidar o brutal homicídio de Brenda Rocha Carvalho de 14 anos, moradora de Maracajá e que foi encontrada morta, no interior de Passo de Torres, com dezenas de cortes provocados por faca, além de outras lesões.

Brenda desapareceu entre as 17 e 18 horas da última sexta-feira, dia 13, quando voltava para casa, após fazer as unhas em uma residência ao lado do Centro Esportivo Municipal Antônio da Rocha, de Maracajá. O corpo foi localizado em meio a uma plantação de eucalipto no sábado (14) por volta das 08 horas, na localidade de Furacão, em Passo de Torres.

O delegado Lucas Fernandes da Rosa, coordenador da DIC e que está à frente das investigações, começou a ouvir testemunhas na segunda-feira, dia 16. O delegado não contou detalhes, para não atrapalhar os trabalhos de investigação.

Imagens de uma câmera de monitoramento que fica ao lado do ginásio de esportes de Maracajá e que poderiam ajudar a Polícia Civil a elucidar o caso da morte de Brenda, foram perdidas, conforme o delegado. A autoridade policial ainda aguarda pela recuperação dessas filmagens, por parte da empresa contratada pela Administração de Maracajá para a prestação de serviço de videomonitoramento.

De acordo com a Polícia Civil, o laudo oficial sobre a morte da adolescente ainda não foi concluído.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://87news.com.br/.

Audiência Pública para discutir o binário de Cocal do Sul: você é a favor ou contra?

57.2%
42.8%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp