14/12/2020 às 11h05min - Atualizada em 14/12/2020 às 12h20min

A importância das atividades físicas na prevenção contra a COVID-19

Enquanto não existir uma solução definitiva para a COVID-19, as academias podem ser parte da solução - e não do problema - no combate à doença

DINO


Desafio sem precedentes, o coronavírus parou o mundo e fez com que todos repensassem seus hábitos, e com a prática de exercícios físicos não foi diferente. Pensando nisso, a ACAD (Associação Brasileira de Academias) criou uma cartilha ressaltando a importância do papel das academias em todo o Brasil no combate ao coronavírus.

A cartilha consiste em um consolidado de várias pesquisas - nacionais e internacionais - que comprovam a importância dos exercícios físicos durante este momento desafiador. Nela é possível identificar que o setor fitness pode ser parte da solução e não problema no combate à doença.

A solução é apresentada de maneira simples: quem se exercita apresenta melhora na qualidade de vida, reforça o sistema imunológico, reduz o estresse, depressão e ansiedade. De acordo com o estudo realizado pela Universidade Estadual de São Paulo, a Irisina, hormônio liberado pelos músculos durante atividade física, reduz a produção da proteína responsável pelo transporte do novo coronavírus para dentro das células.

A cartilha será entregue às autoridades para que elas se sensibilizem sobre a importância desse setor para o combate à COVID-19.

O novo jeito de treinar nas academias é seguro

O material disponibilizado pela ACAD também mostra alguns estudos que comprovam a segurança da prática de exercícios nas academias. A segurança é possível se os estabelecimentos cumprem rigorosamente os protocolos de segurança, que também estão especificados na cartilha da associação, que já havia disponibilizado outro material com orientações para o setor.

A segurança nesses espaços garantida pela ACAD depende da observância dos seguintes protocolos:

- Reserva de horários e controle de quem são os frequentadores;

- Medição de temperatura corporal de todos os que desejam entrar nas dependências da academia;

- Limitação de entrada simultânea de 1 cliente de acordo com o distanciamento determinado por cada município. Em São Paulo, por exemplo, o distanciamento mínimo é de 6,25 m² por pessoa;

- Delimitação de distanciamento;

- Obrigatoriedade do uso de máscara;

- Uso do bebedouro somente para garrafas;

- Higienização completa do ambiente por equipe especializada;

- Renovação do ar;

- Kit de limpeza para os frequentadores;

- Disponibilização de álcool em gel em diversos pontos da academia;

- Campanha de conscientização entre os frequentadores, que são os mais interessados em manter a academia um lugar seguro

O papel da Cia Athletica na prevenção da COVID-19

Logo após o anúncio do afrouxamento gradual e heterogêneo do isolamento social em algumas cidades em todo o Brasil, a Cia Athletica se preparou para o retorno das atividades em todas as suas academias. As 17 unidades espalhadas por todas as regiões do país estão alinhadas com as recomendações da ACAD para garantir segurança aos seus alunos e colaboradores.

Além do cumprimento rigoroso de todos os protocolos, a Cia Athletica conta com a colaboração de todos os alunos, que receberam uma cartilha com orientações para a utilização responsável da academia. Com o esforço coletivo de alunos e colaboradores, a Cia Athletica garante segurança e melhora na qualidade de vida de quem pratica esporte com consciência em um momento desafiador.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://87news.com.br/.

Audiência Pública para discutir o binário de Cocal do Sul: você é a favor ou contra?

57.4%
42.6%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp