15/05/2020 às 10h11min - Atualizada em 15/05/2020 às 10h11min

Centro de Triagem de Cocal do Sul completa 50 dias

O local recebeu adaptações e equipamentos de acordo com as normativas da ANVISA e do Ministério da Saúde.

Antonio Roseng - 87 News
Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Cocal do Sul

O Centro de Triagem de Cocal do Sul criado para atendimento de Síndromes gripais/COVID-19, completou 50 dias esta semana (12/05). Localizado no Centro do Idoso, Bairro Jardim Itália, já atendeu 321 pacientes, onde dos 89 pacientes monitorados, 69 já receberam alta e 20 seguem em monitoramento.


Segundo os dados notificados pela Vigilância Epidemiológica Municipal até momento: 38 casos descartados (todos com realização de coletas enviadas para o LACEN), casos considerados suspeitos são cinco, também todos com coletas de exames aguardando resultados do LACEN. Até o momento 49 coletas foram realizadas.
 

Desde o início da pandemia o município contabilizou seis casos, sendo um óbito homem de 61 anos que apresentava outras comorbidades. Este caso deverá aparecer diariamente no boletim epidemiológico como confirmado.


O local recebeu adaptações e equipamentos de acordo com as normativas da ANVISA e do Ministério da Saúde, e conta com uma equipe devidamente habilitada, com médicos, enfermeiras, técnicas de enfermagem, higienizadoras e suporte dos profissionais de odontologia e outros.


Segundo a Secretaria de Saúde de Cocal do Sul, Sinara Crippa Milanez, as ações de enfrentamento a pandemia realizadas pelo município são de fundamental importância. “A cada momento traçando novas estratégias para melhorar os índices epidemiológicos e os resultados positivos virão. Mas a sociedade precisa estar unida, e levar a sério as ações de prevenção e cuidados”, comenta Sinara.
 

Atendimento
 

O Centro de Triagem atende das 8h às 12h e das 13h às 17h, de segunda a sexta-feira. Os pacientes com sintomas relativos a COVID-19 direcionadas para triagem após esse horário, devem procurar o pronto atendimento que tem horário de funcionamento até às 22h de segunda a sexta e nos sábados, domingos e feriados das 8h às 18h. Nos casos de muita necessidade dirigi-lo aos hospitais da nossa região.

Os monitoramentos vêm acompanhados pela equipe dos Estratégia Saúde da Família (ESF´s) e da Vigilância epidemiológica, que orienta os pacientes e os familiares sobre o quadro clínico apresentado.

Com relação à notificação dos casos confirmados ou monitorados além dos serviços de saúde do município (Pronto atendimento/ESF´s) eles podem vir de diversos outros setores públicos e privados: hospitais, clínicas, centro de triagens, UPAS, laboratórios privados ou até de outros Estados onde quer que os pacientes do nosso município sejam atendidos deverá existir a notificação. Os casos advindos de outros estabelecimentos são comunicados e notificados à Vigilância epidemiológica do município de Cocal que assim que é comunicado, com brevidade, inicia os procedimentos de orientação e monitoramento seguindo com rigor os protocolos.
 

Casos confirmados
 

Hoje são seis casos de COVID-19. O primeiro foi de um homem de 61 anos, que veio a óbito, sendo que ele apresentava outras comorbidades. O segundo caso é de uma pessoa de 25 anos que está em isolamento domiciliar; o terceiro uma pessoa de 60 anos, que neste momento está hospitalizada; o quarto é uma mulher de 30 anos, que neste momento está em isolamento domiciliar; o quinto e o sexto, estão em isolamento domiciliar, sendo uma mulher de 38 anos e um homem de 73 anos.

Nos primeiros dias de ações de combate ao coronavírus o município já elaborou seu Plano de Contingência para enfrentamento da influenza e coronavírus e, desde então, vem atualizando o mesmo a cada ação ou implementação realizada, bem como encaminhando o documento ao Ministério Público que acompanha diariamente as ações dos municípios. É encaminhado também para a FECAM, AMREC e aos Conselheiros Municipais de Saúde para que acompanhem as ações realizadas.
 

Ações realizadas:
 

●      Formação de um Comitê reunindo vários setores, com reuniões diárias e discussões de forma on-line;

●      Estruturação do Centro de Triagem Coronavírus com Plano de contingência;

●      Confecção de máscaras caseiras pelos clubes de mães, voluntárias e empresas do município, com cerca de mais de 2.500 já confeccionadas, sendo diariamente distribuídas;

●      Orientação à população haitiana residente no município através de panfletos em inglês, francês e crioulo e vídeo elaborado na língua crioulo para divulgação dos cuidados e informações sobre a doença e formas de prevenção;

●      Aquisição de 10 mil máscaras pelo Governo Municipal através da Secretaria de Saúde, onde iniciou-se as distribuições pelas famílias em vulnerabilidade social (Kits de três máscaras com orientação por escrito do cuidado, manuseio, bem como do uso correto), seguindo para intensificação da distribuição aos idoso e crônicos e demais munícipes que necessitarem, assegurando e aumentando a possibilidade de prevenção. Até o momento cerca de 6 mil máscaras já foram distribuídas para a população pelas Agentes Comunitárias de Saúde, profissionais da Secretaria de Assistência Social e por outros profissionais;

●      Parceria com a UNESC (Universidade do Extremo Sul de Santa Catarina) a fim de disponibilizar a população o Programa SOS UNESC - Covid-19. Serviço oferecido pelo whatsapp para orientar ao usuário, fornecendo a este um suporte com informações de credibilidade, onde diversos pacientes já utilizaram este serviço;

●      Parceria com a Secretaria de Assistência Social que, além dos recursos disponibilizados pelo Poder Público, também recebeu a parceria de toda a sociedade e empresas que fizeram doações e trabalhou fortemente na distribuição de alimentos e mantimentos para famílias em vulnerabilidade social;

●      Sanitização dos principais locais públicos, em especial locais de saúde;

●      Articulação com setores: VISA/Defesa civil/Comitê COVID-19/Polícia civil e Militar, igrejas, CDL, sociedade civil organizada;

●      Realização de protocolo de coletas de exames para diagnóstico do COVID 19 (Swab - seguindo Nota Técnica da SES);

●      Realização de Protocolo para testagem utilizando testes rápidos vindos do Estado e adquiridos pelo Município;

●      Elaboração da Nota Técnica da Secretaria Municipal de Saúde para Medidas de Prevenção ao COVID-19 nas escolas, ou seja, constando orientações de medidas institucionais, medidas de prevenção para profissionais de educação, alunos e familiares que será implementado junto com a Secretaria da Educação;

●      Decreto Municipal 353/20 reforçando as recomendações que torna obrigatório o uso de máscaras para o acesso e desempenho de atividades nos prédios públicos e comércio em geral no âmbito do município de Cocal do Sul.

●     Aquisição de 150 testes rápidos através do CISAMREC no valor R$ 18.600,00 (dezoito mil e seiscentos reais), testes estes que seguem protocolo do município, baseado no modelo do Estado.

●    Município recebeu da Secretaria do Estado 140 kits de testes rápidos que seguem os protocolos para utilização, priorizando profissionais de saúde, instituição de longa permanência e profissionais de segurança pública;

●    O Município de Cocal do Sul investiu em Ações de Combate à COVID19, cerca   de R$ 122.000,00 (cento e vinte dois mil reais) desde o início das atividades;

●   As despesas são referentes à aquisição de Equipamentos de Proteção Individual – EPI´s, materiais gráficos, materiais para higiene e limpeza e desinfecção, material eletroeletrônico, materiais médicos e de enfermagem e outros para suporte ao Centro de Triagem, pagamento de profissionais para suporte ao atendimento Centro de Triagem (médico e enfermagem), aquisição de máscaras para distribuição à população, aquisição de Testes rápidos entre outros;

●     A VISA – Vigilância Sanitária do Município, vem nestes mais de 40 dias atuando fortemente fazendo orientações diárias em todos os estabelecimentos, bem como atuando nas denúncias e orientando a população segundo as normas técnicas e protocolos que são diariamente atualizados, recebendo apoio da segurança pública e CDL, entre outros parceiros quando necessário;

●     Com relação aos EPIs o município investiu fortemente desde o início das atividades de prevenção no sentido de buscar todos os Equipamentos de Proteção individual necessários, não deixando faltar para que os profissionais estivessem protegidos (conforme normas estabelecidas) e devidamente orientados para sua proteção e, consequentemente, proteção da população. Os EPI´s são de extrema necessidade para que ocorra o mínimo possível de adoecimento dos profissionais, de modo assegurar a continuidade dos serviços de saúde à população.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://87news.com.br/.

Audiência Pública para discutir o binário de Cocal do Sul: você é a favor ou contra?

57.7%
42.3%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp