14/05/2020 às 19h17min - Atualizada em 15/05/2020 às 00h00min

Durante a crise, aumenta o número de pedidos de comida para entrega

Com a crise mundial causada pelo novo coronavírus, abrem-se novas oportunidades de negócio para alguns segmentos, como o de entrega de alimentos em domicílio

DINO
https://finartealimentos.com.br/

Com a crise mundial causada pelo novo coronavírus, abrem-se novas oportunidades de negócio para alguns segmentos, como o de entrega de alimentos em domicílio, o famoso delivery, principalmente via internet.

Os serviços de delivery estão em alta há algum tempo, mas, durante a pandemia do novo coronavírus, os empreendedores observaram um aumento significativo por esse tipo de demanda. Graças a isso, varejistas passaram a movimentar seus caixas mesmo no período da crise.

Número de compradores online tem crescimento acima da média

Um levantamento de dados, realizado pela Ebit|Nielsen, observou um crescimento acima da média no número de novos compradores online, ou seja, consumidores que estão realizando compras na internet pela primeira vez. O aumento desse novo tipo de consumidor chegou a 45% no mês de março.

Já uma outra pesquisa, feita pela RankMyAPP, especializada na categoria delivery, observou que, ao contrário dos declínios vistos em janeiro (-5%) e fevereiro (-9%) deste ano, em março, a alta foi de 30%.

Devido ao período de isolamento social, os brasileiros passaram a pedir comida em casa ao invés de irem até restaurantes, por isso, as entregas em domicílio se mostraram tão vantajosas para varejistas que ainda não ofereciam essa opção aos clientes. Por motivos óbvios, é preciso que os estabelecimentos se adaptem às medidas de prevenção contra a Covid-19.

Apps de delivery de comida crescem quase 80% entre março e abril

A AppsFlyer, plataforma responsável por acompanhar e medir tanto o download quanto o uso de aplicativos do mundo, divulgou um novo boletim atualizado, mostrando que o Brasil segue adotando os serviços online, principalmente no que diz respeito à entrega de comida e programas de lifestyle.

Os aplicativos de delivery de comida cresceram quase 80% em downloads nos aparelhos mobiles dos brasileiros, entre os dias 17 de março e 13 de abril, e se mantiveram nessa faixa até a semana do dia 20. Com relação aos aplicativos de lifestyle, que oferecem dicas e programas para melhorar a qualidade de vida, o aumento de instalações foi de 19%. Isso indica o quanto as pessoas, em isolamento social, têm buscado formas de encontrar na internet produtos e serviços que não podem mais sair para comprar.

É importante salientar que o número de brasileiros conectados à internet continua a crescer, de 67% para 70% da população, o que representa quase 127 milhões de pessoas. Isso significa que, cada vez mais, a busca por serviços e produtos online continuará em expansão, e cabe aos lojistas e varejistas adequar-se a essa nova dinâmica.

Compra de bolos e brownies de chocolate pela internet

Com preços acessíveis ao público, a empresa Fin’Arte conta com uma ampla rede de distribuição de seus produtos, estando presente em mais de 500 pontos de vendas, localizados principalmente nos estados de São Paulo, Paraná e Rio de Janeiro.

Porém, quem deseja experimentar os diferentes tipos de bolos, brownies e fludens, sem sair de casa, é possível, fazendo o pedido através da loja online pelo site, recebendo os produtos pelos correios.



Website: https://finartealimentos.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você acredita que o eleitor está mais consciente para votar nestas eleições?

33.3%
66.7%
0%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp