18/01/2020 às 07h20min - Atualizada em 18/01/2020 às 07h20min

Mampituba sediará a histórica edição de 50 anos do Banana Bowl

Competição acontece entre os dias 10 e 16 de fevereiro. Torneio se consagra um dos maiores do mundo

Clara Floriano - 87 News
Assessoria de imprensa S.R. Mampituba

Em menos de um mês as quadras da Sociedade recreativa Mampituba devem receber aproximadamente 400 tenistas de 48 países do mundo para participar da histórica edição cinquentenária do Banana Bowl, o torneio juvenil de tênis mais tradicional da América Latina. Comemorando seus 50 anos, a competição ganha ainda mais importância mundial.
 
O sucesso das edições anteriores e a comemoração dos 50 anos fizeram com que o Banana Bowl fosse elevado ao patamar máximo de pontuação da Federação Internacional de Tênis (ITF – International Tennis Federation), equiparado aos quatro Grand Slams juvenis. "Hoje, o Banana Bowl, de 650 torneios infanto-juvenis do mundo, está entre os nove maiores. É muito importante para o Mampituba, para o município e para o estado de Santa Catarina receber este evento tão expressivo", pontuou Alexandre Farias, presidente da Federação Catarinense de Tênis (FCT).
 
O Banana Bowl será realizado entre os dias 10 e 16 de fevereiro em Criciúma e no Rio de Janeiro (RJ). A Sociedade Recreativa Mampituba, em Criciúma, receberá as disputas das categorias 18 anos e Tennis Kids. Já nos clubes Marina Barra Clube e Novo Rio Country Clube, do Rio de Janeiro (RJ), acontecem os jogos das categorias 12, 14 e 16 anos.
 
A 50ª edição bateu recorde de países participantes, com um total de 48. A estimativa é que aproximadamente 400 atletas passem pelas quadras da S.R. Mampituba nos seis dias de competição. "A expectativa é uma das melhores possíveis. Esperamos que, juntos, possamos fazer uma das melhores edições do Banana Bowl da história", destacou Farias.
 
Desde 2017
 
Este é o quarto ano consecutivo em que a Sociedade Recreativa Mampituba recebe uma edição do Banana Bowl. Segundo o presidente da FCT, na época, realizar a competição em Criciúma parecia um sonho distante. "Em função dos problemas que o Banana enfrentou em outros estados, o presidente da Confederação Brasileira de Tênis (CBT) entrou em contato conosco perguntando se Santa Catarina não gostaria de sediar. Como presidente da FCT e criciumense, eu não tinha como não trazer esse torneio para Criciúma. Foi um sonho que se tornou realidade".
 

Ainda durante a primeira edição em 2017 houveram conversas com a CBT para que a competição voltasse a Criciúma em 2018, 2019 e 2020. E, diante do sucesso da primeira edição no município catarinense, o pedido foi acolhido.  "Hoje, o Banana está entre os nove maiores torneios juvenis de tênis do mundo. A cidade de Criciúma e a Sociedade Recreativa Mampituba fazem parte deste seleto grupo do tênis mundial", finalizou o presidente da FCT.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você acredita que o eleitor está mais consciente para votar nestas eleições?

46.2%
53.8%
0%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp