02/09/2019 às 19h52min - Atualizada em 02/09/2019 às 19h52min

Vice-governadora emite nota de esclarecimento sobre denúncias

87 News
A Residência Oficial da vice-governadora foi adquirida pelo Governo do Estado em 02 de julho de 1979 e já serviu de residência oficial para cerca de 10 vice-governadores. É um imóvel utilizado para realização de audiências, despachos e recepções de autoridades, além de ser a residência oficial para os que ocupam o cargo de vice-governador. O prédio no Centro Administrativo que abriga o gabinete e outras secretarias passa por uma readequação estrutural, o que reforça a necessidade da residência oficial ser usada para agendas da vice-governadora. Vale ressaltar também que, conforme determina a Constituição Estadual, no Artigo 70, os chefes do executivo “residirão na Capital do Estado”. Com relação ao uso de seguranças, o gabinete esclarece que esse direito está previsto no Decreto no 1.058, de julho de 2012, e não incorre em qualquer irregularidade. Também não reconhece, em nenhum momento, que os profissionais tenham sido “truculentos” durante os eventos, conforme menciona a reportagem. O gabinete da vice-governadora destaca ainda que a equipe de segurança também presta serviços para outras autoridades públicas em atos oficiais. Referente à fotografia publicada na página 4 do Notícias do Dia, desta quinta-feira, 29, o gabinete informa que dois automóveis estavam a serviço da vice-governadora. Os demais veículos eram de outras autoridades presentes no dia do evento em Chapecó. O gabinete também refuta a acusação, publicada na página 5 do jornal, que a vice-governadora estaria reunindo amigas para jantares na residência oficial. Destaca que, conforme dados do Portal da Transparência, no comparativo de janeiro a junho deste ano, houve um corte de quase 50% nos gastos do gabinete em relação ao mesmo período do ano passado. As despesas com pessoal reduziram mais de 63%, no mesmo período. Conforme levantamento disponível no Portal da Transparência é o menor gasto para o período desde 2011. É importante ressaltar também que, com a reforma administrativa, houve uma redução de 24 para oito no número de cargos comissionados previstos no gabinete da vice-governadora. O gabinete frisa que está comprometido com as ações de austeridade da gestão atual. A vice-governadora está cumprindo o papel de governante, visitando os munícipios, conversando, ouvindo e buscando atender os anseios dos catarinenses em todas as regiões, sempre em defesa de Santa Catarina.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://87news.com.br/.

Audiência Pública para discutir o binário de Cocal do Sul: você é a favor ou contra?

57.0%
43.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp