14/12/2020 às 20h56min - Atualizada em 15/12/2020 às 00h00min

Star Alliance entra com pacote completo na AWS para inventar a próxima era das viagens aéreas

A maior aliança de companhias aéreas do mundo seleciona a AWS para construir resiliência, melhorar a eficiência operacional e aprimorar as experiências dos viajantes

DINO


Hoje, Amazon Web Services (AWS), uma empresa Amazon.com, Inc. (NASDAQ: AMZN), anunciou que a Star Alliance, a maior aliança de companhias aéreas do mundo, vai com o pacote completo AWS, movendo toda a sua infraestrutura de TI para a nuvem líder mundial visando reduzir custos, melhorar o desempenho e se tornar uma empresa mais ágil na nuvem. A Star Alliance está trabalhando com a Tata Consultancy Services (TCS), parceira premier de consultoria da rede de parceiros AWS, para migrar todos os seus dados, plataformas e aplicativos essenciais para os negócios para a AWS e fechar seus centros de dados, reduzindo assim em 25% do custo total de gestão das suas infraestruturas. A aliança de companhias aéreas está usando recursos incomparáveis ​​da AWS, incluindo análise, segurança, bancos de dados gerenciados, armazenamento e aprendizado de máquina, para fornecer às suas 26 companhias aéreas membros informações em tempo real que ajudarão a melhorar a experiência global de viagem de seus passageiros, mesmo com a incerteza provocada pela pandemia COVID-19.

Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: https://www.businesswire.com/news/home/20201214005859/pt/

Ao migrar para a AWS, a Star Alliance ganhou agilidade para otimizar imediatamente o uso da infraestrutura existente e os custos para atender às demandas em constante mudança em viagens aéreas em todo o mundo, especialmente em resposta ao COVID-19. Quando os pedidos de quarentena e as restrições de viagem entraram em vigor, a empresa reduziu instantaneamente sua presença e gastos de infraestrutura em 30%, reduzindo o uso da AWS em vez de pagar pelo excesso de capacidade local. Ao operar na AWS, a Star Alliance está se preparando para o futuro quando as restrições globais de viagens começarem a diminuir e os clientes retomarem os voos regularmente. A organização agora pode apresentar aplicativos na metade do tempo, aproveitando o Amazon Elastic Container Service com AWS Fargate (um mecanismo de computação sem servidor para contêineres que torna mais fácil construir aplicativos) para fornecer serviços que tornam as viagens mais fáceis e seguras para os passageiros. Por exemplo, a Star Alliance criou um aplicativo de rastreamento de bagagem que usa Amazon Aurora (banco de dados relacional da AWS desenvolvido para a nuvem) para processar dados de vários sistemas de bagagem de companhias aéreas, fornecendo painéis operacionais e relatórios centralizados para que os agentes de atendimento ao cliente das companhias aéreas possam rastrear bagagens em aeroportos próximos o mundo. Além disso, o aplicativo “Star Alliance Inter Airline Through Check-in”, um aplicativo que processa e analisa mais de 12 milhões de transações por mês durante os períodos de pico e funciona na AWS, torna o processo de check-in perfeito para os viajantes, permitindo aos passageiros fazer o check-in e receber cartões de embarque para viagens com várias escalas nas companhias aéreas membro da Star Alliance.

Ao se tornar uma organização orientada a dados na nuvem, a Star Alliance está usando análises e bancos de dados da AWS, incluindo Amazon Relational Database Service (Amazon RDS), Amazon Athena (serviço de consulta interativo sem servidor da AWS que usa SQL padrão) e Amazon QuickSight (AWS serviço de inteligência de negócios), para identificar tendências e demandas de viagens futuras, bem como melhorar a experiência do cliente. A ferramenta de decisão de transferência da Alliance ajuda suas companhias aéreas membro a gerenciar conexões de voos de risco em tempo real para que possam tomar ações proativas, como o rastreamento rápido de um passageiro na alfândega e imigração, para transferir rapidamente os clientes e suas bagagens para um voo de conexão. Esta ferramenta complementa o novo Connections Service da Alliance (um aplicativo móvel que orienta os viajantes com o caminho mais rápido até o portão de embarque e desbloqueia as faixas Fast Track do aeroporto quando as conexões são curtas), proporcionando uma experiência mais rápida e sem contato no aeroporto. Além disso, ao migrar seus bancos de dados legados para o Amazon Aurora, a Star Alliance está permitindo que as equipes de atendimento ao cliente de seus membros tomem decisões rápidas e informadas que os ajudem a processar pedidos de recompensa de passageiro frequente mais rapidamente e levar em consideração as preferências dos passageiros para fornecer experiências de viagem personalizadas. Com vista ao futuro, a Star Alliance planeja criar um lago de dados no Amazon Simple Storage Service (Amazon S3) que centralizará o acesso aos dados para as companhias aéreas membro acelerem o desenvolvimento de aplicativos empresariais e recursos para o cliente. A Star Alliance poderá então aplicar serviços de aprendizado de máquina da AWS, como Amazon SageMaker (serviço da AWS que permite que cientistas e desenvolvedores de dados criem, treinem e implantem modelos de aprendizado de máquina rapidamente) aos dados consolidados para agregar valor, como evitar a fraude relacionada aos programas de fidelidade nas redes de passageiro frequente dos membros.

“Decidimos apostar tudo na AWS para ganhar a confiabilidade e escalabilidade de que precisávamos para dar suporte ao número crescente de viajantes globais que ingressam na aliança a cada ano, mas a pandemia também provou o quão valioso é ter uma infraestrutura flexível e ágil na nuvem. Ninguém poderia ter previsto o que aconteceu até agora em 2020, mas devidoànossa colaboração com a AWS, pudemos ajustar rapidamente nossos objetivos e reduzir nossas despesas”, disse Jeremy Drury, chefe de tecnologia e digital da Star Alliance. “Além de economia de custos e elasticidade, a AWS nos oferece o conjunto mais abrangente de serviços em nuvem para inovar rapidamente, introduzir novos serviços para manter os viajantes seguros e reinventar continuamente a experiência global de viagens.”

“Ao apostar tudo na AWS, a Star Alliance está alavancando a elasticidade da nuvem para tirar proveito das tendências do setor e dinamizar suas operações a fim de responder às mudanças drásticas na dinâmica do mercado”, disse David Peller, diretor administrativo de viagens e hospitalidade da Amazon Web Services. “A Star Alliance é um excelente exemplo de organização global que abraçou com sucesso a nuvem para superar as incertezas. Como o mundo antecipa uma nova abertura, estamos empolgados em trabalhar com a Star Allianceàmedida que ela aproveitam o conjunto abrangente de serviços da AWS para inovar novas ofertas em escala e, ao mesmo tempo, elevar o padrão do que é possível para a próxima era das viagens aéreas globais.”

“A pandemia global reforçou a necessidade do setor de viagens adotar novas tecnologias que melhorem sua resiliência operacional, agilidade de negócios e capacidade de resposta às necessidades em evolução dos clientes e regulamentações locais”, disse Arun Pradeep, Chefe de Viagens, Transporte e Hospitalidade na Europa da TCS. “Depois de ter acelerado a transformação de TI da Star Alliance na AWS, hoje os ajudamos a maximizar o valor, aproveitando recursos em torno de análises avançadas e aprendizado de máquina para fornecer níveis mais altos de personalização e experiências superiores ao cliente.”

Sobre a Amazon Web Services

Por 14 anos, o Amazon Web Services tem sido a plataforma em nuvem mais abrangente e amplamente adotada no mundo. A AWS oferece mais de 175 serviços completos para computação, armazenamento, bancos de dados, redes, análises, robótica, aprendizado de máquina, inteligência artificial (AI), Internet das Coisas (IoT), mobilidade, segurança, híbrido, realidade virtual e aumentada (VR e AR ), desenvolvimento, implantação e gerenciamento de mídia e aplicativos de 77 zonas de disponibilidade (AZs) em 24 regiões geográficas, com planos anunciados para mais 18 zonas de disponibilidade e mais seis regiões da AWS na Austrália, Índia, Indonésia, Japão, Espanha e Suíça. Milhões de clientes - incluindo as startups que mais crescem, as maiores empresas e as principais agências governamentais - confiam na AWS para alimentar sua infraestrutura, tornar-se mais ágil e reduzir custos. Para saber mais sobre a AWS, visite aws.amazon.com.

Sobre a Amazon

A Amazon é orientada por quatro princípios: obsessão pelo cliente em vez de foco no concorrente, paixão por invenção, compromisso com a excelência operacional e pensamento de longo prazo. Avaliações de clientes, compras com um clique, recomendações personalizadas, Prime, Fulfillment by Amazon, AWS, Kindle Direct Publishing, Kindle, tablets Fire, Fire TV, Amazon Echo e Alexa são alguns dos produtos e serviços pioneiros da Amazon. Para obter mais informações, acesse www.amazon.com/about e siga @AmazonNews.

Sobre a Star Alliance

A rede Star Alliance foi criada em 1997 como a primeira aliança de companhias aéreas verdadeiramente global, com base em uma proposta de valor para o cliente de alcance global, reconhecimento mundial e serviço contínuo. Desde o início, oferece a maior e mais abrangente rede de companhias aéreas, com foco na melhoria da experiência do cliente em toda a jornada da Aliança. As companhias aéreas participantes são: Aegean Airlines, Air Canada, Air China, Air India, Air New Zealand, ANA, Asiana Airlines, Austrian, Avianca, Brussels Airlines, Copa Airlines, Croatia Airlines, EGYPTAIR, Ethiopian Airlines, EVA Air, LOT Polish Airlines, Lufthansa, Scandinavian Airlines, Shenzhen Airlines, Singapore Airlines, South African Airways, SWISS, TAP Air Portugal, THAI, Turkish Airlines, e United. Globalmente, a rede Star Alliance oferece atualmente mais de 12.000 voos diários para quase 1.300 aeroportos em 197 países. Outros voos de conexão são oferecidos pelos Parceiros de Conexão da Star Alliance Juneyao Airlines e THAI Smile Airways. www.staralliance.com

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:

Amazon.com, Inc.

Linha direta para a imprensa

Amazon-pr@amazon.com

www.amazon.com/pr


Fonte: BUSINESS WIRE
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://87news.com.br/.

Audiência Pública para discutir o binário de Cocal do Sul: você é a favor ou contra?

57.4%
42.6%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp