14/12/2020 às 14h27min - Atualizada em 14/12/2020 às 15h20min

Estratégias para mercado de logística incluem novas lideranças em cargos de gestão

Há 19 anos na Opentech, Diego Gonçalves assume o cargo de CEO com a missão de ampliar a eficiência operacional e os níveis de excelência na entrega de soluções para o setor

DINO
https://www.opentechgr.com.br/


O setor de logística e transporte está mais otimista com o futuro pós-pandemia. Apesar da crise que afetou diversos setores da economia em 2020, as empresas do segmento acreditam que a reação é possível. Pelo menos é o que indica a Pesquisa de Impacto no Transporte – Covid-19 realizada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT). De acordo com o levantamento, 35,9% dos entrevistados esperam um aumento da demanda e da receita em 2021.

Um dos fatores pode ter sido o crescimento do e-commerce, que ampliou as possibilidades de mercado para o setor de logística. Só na Black Friday 2020 foram mais de 7,6 milhões de pedidos online e R$ 5,1 bilhões em vendas – 31% acima do registrado no ano passado.

O novo CEO da Opentech, Diego Gonçalves, diz que a retração da economia em função da pandemia da Covid-19 afetou a economia e o transporte de cargas, mas as empresas que souberam inovar tiveram sucesso no enfrentamento da crise. “O desafio de planejar as operações de transporte conforme as demandas e realidades do mercado requer habilidades que transitam na rotina de especialistas de gestão de risco e de logística”, explica.

Pronta para o reaquecimento do setor, a empresa está fazendo mudanças em seu comando. Desde 1º de dezembro, Gonçalves assumiu a função de CEO no lugar do executivo Luiz Cláudio Ramos, que esteve à frente da Opentech durante o ano de 2020 e manteve uma gestão focada na melhoria de processos internos e em tecnologia.

A empresa é uma das líderes brasileiras no desenvolvimento de soluções para as áreas de logística e transporte, tem mais de 3 mil clientes e monitora anualmente R$ 320 bilhões em cargas de transporte em todo o Brasil. “Estamos crescendo e investindo fortemente para ampliar a eficiência operacional e inovar cada vez mais com alta tecnologia, atendendo às demandas do mercado. O foco é gerar valor aos clientes e elevar as operações a novos patamares de alta performance”, diz.

Com experiência em todos os departamentos e passagem por outras diretorias, Gonçalves tem uma carreira consolidada na companhia, onde está há 19 anos. Formado em Logística com pós-graduação em Gestão de Pessoas e Gestão Estratégica de Logística, atuou principalmente na área operacional, com foco nos pilares de eficiência em gestão de risco e gestão logística de alta performance.

Nos últimos anos, o executivo concentrou sua atenção no atendimento aos clientes, mercado segurador e expansão de novos negócios, ocupando as lideranças das diretorias de Serviços, Comercial e de Marketing. Em sua gestão, Gonçalves deve estreitar a relação com os clientes. “Nossa atuação estará centrada no atendimento de excelência aos clientes e na expansão de novos negócios nas áreas de gestão de risco e gestão logística”, afirma.

A satisfação dos clientes, lembra o CEO da Opentech, é outro aspecto abordado no levantamento da CNT. Desde o início da pandemia, 58,2% dos entrevistados perceberam mudanças no nível de exigências de seus clientes, que incluem além das questões de segurança e higiene sanitária, questões como redução do valor cobrado (11,5%) e pontualidade (6,5%).

Para saber mais sobre a empresa, acesse https://www.opentechgr.com.br/



Website: https://www.opentechgr.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://87news.com.br/.

Audiência Pública para discutir o binário de Cocal do Sul: você é a favor ou contra?

57.4%
42.6%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp