29/06/2020 às 10h50min - Atualizada em 29/06/2020 às 10h50min

CRICIUMENSE é preso em Massachusetts por fraudes e roubo de identidade

Brasileiro tinha uma carteira de motorista do Estado do Maine com sua foto e outro nome

- 87 News
Jornal dos Sports USA
Roubo de identidade, fraude e prejuízo de mais de US$ 100 mil, são algumas das acusações contra o brasileiro

O catarinense de Criciúma, W.S., 32 anos, foi preso em Malden, Massachusetts, e está sendo acusado de usar identidades roubadas para fazer compras, alugar carros, abrir contas bancárias e para obter cartões de crédito.

W. também usou identidades roubadas para comprar um relógio Rolex estimado em US$ 15 mil; alugar um Ford Mustang conversível e um Dodge Charger no Logan Airport em Boston, que ele não devolveu.De acordo com a denúncia criminal, W. usou nomes e identidades de várias pessoas para abrir contas de crédito, alugar carros e fazer grandes compras. W., juntamente com uma cúmplice abriu contas de crédito em um revendedor de material de escritório usando várias identidades falsas e depois as utilizou para comprar gift cards Visa, resultando em um prejuízo de mais de US$ 100 mil.

W.S. também possuía uma carteira de motorista do Maine, com sua fotografia e o nome de uma vítima de roubo de identidade, usada para abrir uma conta bancária e fazer grandes compras na Apple Store.

brasileiro tem no seu prontuário criminal, outros problemas. Em 14 de dezembro do ano passado, W.S. e sua noiva S.S. foram presos depois de tentar roubar cerca de US$ 1,6 mil em mercadorias no Home Depot em Somerville, que indiciou-o e sua noiva. S. também foi acusado e indiciado por posse de drogas.

W.S. pode ser condenado a uma pena de até 20 anos por seus crimes e delitos, além de uma multa de cerca de US$ 250 mil.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você concorda que prefeitos, vices, secretários e vereadores dos municípios da região reduzam os seus salários em 30% em decorrência do coronavírus e destinar esse valor para a área da saúde local?

83.0%
17.0%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp