15/04/2020 às 10h18min - Atualizada em 11/05/2020 às 00h00min

Visagismo, harmonia e exclusividade: uma imagem do futuro

No mundo contemporâneo, onde imagem e exclusividade dão o tom aos principais desejos do consumidor atual, o Visagismo tem chamado muito a atenção por ter um grande potencial de ganhar espaços significativos dentro de diferentes setores. Ao unir análises físicas e comportamentais a comprovações matemáticas, equilibra as ciências exatas e humanas alcançando resultados extremamente satisfatórios na tarefa de compor e harmonizar imagens.

DINO
http://birodevisagismo.com.br/
Tania, Robson e Thais Trindade - Equipe de Visagistas Master


Ao pensar em futuro, imagina-se algo que ainda está distante de acontecer. Mas, dentro do campo científico, o Visagismo acadêmico tem chamado muito a atenção por ter um grande potencial de ganhar, nos próximos anos, espaços significativos dentro de diferentes setores profissionais. Ao unir análises faciais, físicas e comportamentais a comprovações matemáticas, equilibra as ciências exatas e humanas alcançando resultados extremamente satisfatórios na tarefa de compor e harmonizar imagens.

“O Visagismo chegou para ficar. E digo mais, para crescer e se desenvolver de forma contínua dentro de diferentes campos de atuação profissional”, afirma o Professor Ms. Doutorando visagista Robson Trindade, responsável pelo Visagismo Acadêmico, ou seja, levar cursos voltados ao tema para dentro de universidades brasileiras e internacionais.

Ambos Mestres em Visagismo, Robson e Tania Trindade, que passaram a estudar Visagismo no início dos anos de 1990 na França, contam que se encantaram por ser esta uma ciência que prioriza análises exclusivas de aspectos individuais para buscar respostas exatas através da matemática. “É a realização mais alta do que pede a era da exclusividade. É a materialização do não há uma receita pronta. Sua receita será prescrita única e exclusivamente para você’”.

Análises individuais, resultados exclusivos

A cor dos olhos, o formato do rosto, a forma de arrumar o cabelo e a maquiagem, o jeito de andar e a forma como posiciona as mãos em algumas situações são alguns dos itens que compõem a lista de uma boa análise visagista. O olhar deve ser direcionado a diferentes aspectos físicos de um indivíduo - isso levanta questões emocionais menos aparentes, mas não menos importantes - para a composição da imagem harmônica.

“Cada uma destas características nos direciona no caminho certo para encontrar respostas que nos ajudam a chegar ao que seria a imagem ideal de cada indivíduo. Os aspectos físicos nos levam muito além do que se pode enxergar a olho nu. Através deles, temos a possibilidade de conhecer a alma e isso nos garante um ótimo índice de resultados”, explicam os Trindade.

Por todas estas características, a Mestre visagista defende – sem medo de errar – que o Visagismo acadêmico tem comprovações científicas e matemáticas para o desempenho de um trabalho exclusivo e individual. “E o resultado é direcionado a uma única pessoa no mundo. É tudo por e para um único ser humano”.

Campo profissional

Desde sua chegada com mais força ao Brasil, na primeira década dos anos 2000, muito se falou da aplicação do Visagismo no mercado de beleza. Por estar ligado à composição de imagens, é uma relação imediata e automática. Porém, a aplicação desta ciência vem ganhando espaço em diversos outros setores profissionais, como é o caso de indústrias, construção civil, saúde, moda entre outros. 

Robson e Tania Trindade, que estão à frente de cursos de graduação, pós-graduação e MBA em Visagismo, presencial e online, contam que já formaram profissionais do ramo da beleza, mas que os números são menores do que se imagina e reforça que a ciência agrega valor e oferece diferenciais de extrema importância para diversas áreas de atuação.

“Há cabeleireiros, barbeiros, designers de sobrancelhas, esteticistas, micropigmentadores e maquiadores, mas ainda em pequena escala se comparado ao tamanho do mercado de beleza e ao diferencial que o Visagismo pode trazer para profissionais e clientes. Mas, já formamos dentistas, estilistas, consultores de imagem, engenheiros, professores, entre muitos outros”.

Os visagistas Robson Trindade, Tania Trindade e Thaís Trindade Melro Milhomens, encerram explicando por que acreditam que o espaço que o Visagismo vem ganhando deve seguir em expansão nos próximos anos. “Vivemos eras onde, ano a ano, a imagem ganha mais importância e significado. Também passamos por uma evolução constante da necessidade de atender a exclusividade e individualidade desejadas pelo consumidor. O Visagismo é o alcance da imagem ideal através da análise única e exclusiva do indivíduo. É a ciência do futuro”.

Fontes:

https://livrosdevisagismo.com.br/

https://livrosdevisagismo.com.br/historia-da-maquiagem-da-cosmetica-e-do-penteado/

https://livrosdevisagismo.com.br/bases-historicas-do-visagismo-livro-2/

Por Claudia Rocco



Website: http://birodevisagismo.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://87news.com.br/.

Audiência Pública para discutir o binário de Cocal do Sul: você é a favor ou contra?

57.4%
42.6%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp