09/04/2022 às 13h15min - Atualizada em 09/04/2022 às 13h15min

Católicos se preparam para o início da Semana Santa

- 87 News
Diocese de Criciúma
A Igreja Católica celebra neste domingo, 10 de abril, o rito da Bênção e Procissão de Ramos, momento que abre as celebrações da Semana Santa e que se estende até o próximo domingo, dia 17 de abril – domingo de Páscoa.  A Semana Santa é o momento central da liturgia católica e o período mais importante do ano litúrgico, quando se rememora de modo especial os mistérios da Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo.

Após dois anos com protocolos sanitários nas celebrações da Semana Santa por causa da pandemia de Covid-19, os católicos se preparam para vivenciar o principal período católico com a participação do povo. Mesmo com a diminuição de casos, algumas medidas de prevenção deverão ser adotadas, entre elas, a utilização de álcool para higienizar as mãos dos fiéis.

Para recordar esta passagem bíblica, as paróquias ligadas à Diocese de Criciúma realizam a procissão de ramos, antes da missa. Após a celebração, os ramos são levados pelos fiéis para casa ou guardados pela própria Igreja, para serem queimados na quarta-feira de cinzas, no ano seguinte.

Na Catedral Diocesana, serão celebradas quatro missas: às 8h, às 9h30, às 17h e às 19 horas. Na missa das 9h30 e 19h, haverá procissão saindo da Gruta Nossa Senhora de Lourdes. A programação pode ser conferida nas redes sociais de cada paróquia. Na segunda (11), terça (12) e quarta-feira (13), nas paróquias, há momentos penitenciais, como via-sacra, missas e atendimentos de confissões.

Na quinta-feira (14), às 9 horas, será celebrada na catedral São José a Missa dos Santos Óleos, também conhecida como Missa do Crisma com a participação de todos os padres. No mesmo local, às 20h, será celebrada a missa da Ceia do Senhor, popularmente conhecida como Missa de Lava pés. Já na sexta-feira, às 15h, acontece a celebração da Paixão do Senhor e no sábado, às 19h, Vigília Pascal. Encerrando a programação, no domingo (17), a Missa da Ressurreição será celebrada em quatro horários: às 8h, às 10h, às 17h e 19 horas.


Coleta da Solidariedade contribui para a promoção da dignidade humana

Gesto concreto da Campanha da Fraternidade (CF), a Coleta da Solidariedade é realizada em âmbito nacional, todos os anos, no Domingo de Ramos. Os recursos arrecadados integram os Fundos Diocesanos e Nacional de Solidariedade que têm contribuído para a promoção da dignidade humana, o compromisso com os pobres e a vida plena.

Do total arrecadado na Coleta para a Solidariedade, 60% fica na própria diocese e é gerido pelo Fundo Diocesano de Solidariedade (FDS) com o objetivo de apoiar iniciativas e projetos locais. Os outros 40% compõem o Fundo Nacional de Solidariedade (FNS), que é administrado pelo Departamento Social da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), sob a orientação do Conselho Gestor.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual candidato você acredita que vencerá as eleições presidenciais de 2022?

2.0%
0%
0%
0%
2.0%
86.0%
0%
8.0%
2.0%
0%
0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp